• G1

Petróleo fecha em alta de 5% e Brent volta a bater US$ 121

Os preços do petróleo fecharam em alta nesta quarta-feira (23) em meio aos temores de aperto da oferta global devido às sanções impostas à Rússia, após a invasão da Ucrânia.

O barril do tipo Brent – referência internacional – registrou alta 4,94%, cotado a US$ 121,10, enquanto o petróleo WTI subiu 5,18%, negociado a US$ 114,93 o barril.

Os mercados continuaram voláteis com a perspectiva de novas sanções à Rússia, o segundo maior exportador de petróleo do mundo, após a invasão da Ucrânia. A queda dos estoques de petróleo nos Estados Unidos, o maior consumidor de petróleo do mundo, também aumentou as apreensões em torno da oferta.

O presidente russo Vladimir Putin anunciou nesta quarta-feira (23) que a Rússia deixará de aceitar pagamentos em dólares ou euros pelo fornecimento de gás à União Europeia e deu às autoridades russas uma semana para aplicar o novo sistema em rublos.

A expectativa é que o presidente dos EUA, Joe Biden, anuncie também mais sanções quando se reunir com líderes europeus na quinta-feira em Bruxelas, incluindo uma reunião de emergência da Otan.

3 visualizações0 comentário